Páscoa 2016 em Penedo…

Penedo001

Continuando o último post sobre Penedo…

A nossa Páscoa deste ano, previamente planejada, teve um leve gostinho de Natal… (rs). Natal? Como assim? A cidade conhecida como a Pequena Finlândia, tem atrativos como a Casa do Papai Noel e  o Hotel do Papai Noel, que foi onde ficamos. E de fato é um atrativo à parte. Todo enfeitado com o tema natalino, tem suas luzes da faixada e da árvore grande da entrada piscando e iluminando quem passa.

Hotel

O hotel é bem localizado por ser próximo ao centro, e tem também uma área de recreação infantil. Dentro tem um pula-pula, uma casinha de brinquedo para crianças pequenas e alguns jogos para os maiores e para os adultos. Não preciso nem dizer o quanto minha filha de 4 anos adorou, né?

Hotel001

Hotel do Papai Noel – Penedo (RJ)

Hotel002

Hotel do Papai Noel – Penedo (RJ)

Chegamos em Penedo na quinta-feira e retornamos no domingo de Páscoa. Viagem tranquila, levou cerca de duas horas e meia do Rio de Janeiro, já que pegamos alguns trechos com trânsito lento. Tirando o primeiro e o último dia que são chegada e saída, foram dois dias suficientes para descansarmos e conhecermos um pouco mais a cidade.

penedo005

Penedo (RJ)

penedo009

Penedo (RJ)

Como já havíamos passado em Penedo antes logo no início deste ano (ver post http://blogdebordo.com.br/2016/02/09/penedo-rj/), já tínhamos uma ideia de como era a cidade. Ela é bem pequena, eu diria que em um dia já dá para se conhecer. Mas como tinha sido uma visita muito rápida, desta vez retornamos sem pressa. Basicamente os principais pontos turísticos são as cachoeiras, o centro onde fica um comércio com alguns shoppings e restaurantes, a Casa do Papai Noel e a Fábrica de Chocolate. Sobre as cachoeiras, como já tínhamos ido da outra vez, só fiz um passeio de trenzinho com a minha filha que passa por dentro da cidade seguindo até elas, fazendo uma pequena parada para os visitantes tirarem suas fotos. Dura cerca de 45 minutos e custou R$15,00 por pessoa. Ela não precisou pagar.

penedo004

Penedo (RJ)

Almoçamos no mesmo restaurante que da outra vez: a Casa da Picanha. Eu já havia recebido uma indicação da educadora da minha filha, que também esteve por lá. Um prato para dois bem servido e o parquinho infantil na área externa foi um tremendo quebra-galho para a nossa querida filha agitada e sem paciência de esperar pela comida (rs). Enquanto ela se divertia, conseguimos aguardar sem estresse…

casaPicanha001

Restaurante Casa da Picanha

Com relação aos atrativos turísticos, dois deles que não tivemos tempo de ir da primeira vez foram o meu foco: a casa do Papai Noel e a Fábrica de Chocolate.

O primeiro fica dentro de uma espécie de vila, muito bonitinha, com várias lojinhas de doces, roupas e artesanatos, até chegarmos em uma área com recreação infantil. Os brinquedos eram pagos, se não me falha a memória, R$20,00 por vinte minutos. Minha filha louca para ir mas não achei boa ideia. Eu não estava disposta a ficar vinte minutos esperando já que haviam brinquedos no hotel e que já estavam incluídos no custo da hospedagem. Não achei que valia a pena mas, como já estávamos ali, troquei os brinquedos pela visita a tal casa do Papai Noel que custou R$8,00 pra cada. Meu marido ficou de fora, então fomos só eu e ela. Ok, só para conhecer, tirar a curiosidade mas… nada de tão especial. É uma casa pequena, com poucos cômodos decorada com o tema, quadros do Papai Noel, árvores de Natal, cartinhas que ele recebe, o quarto dele, enfim…

penedo007

Casa do Papai Noel – Penedo (RJ)

penedo008

Dentro da Casa do Papai Noel

Quanto à Fábrica de Chocolate, da outra vez ela estava fechada e novamente, na primeira vez que retornamos por lá, também estava. Mas insistimos no dia seguinte e… continuava fechada. Tirei algumas fotos pela parte de fora e fui me informar com o vendedor da loja de chocolates ao lado (a Casa do Chocolate) para saber a que horas ela abriria, ao que ele me disse que havia ocorrido um incêndio há umas duas semanas e ela estava fechada para reformas. Haviam alguns móveis pelo lado de fora que eu nem tinha me dado conta inicialmente mas depois entendi o motivo. Uma pena, não foi desta vez… Tudo bem, mas comprei alguns chocolates e um ovo de páscoa para a minha filha antes de irmos embora. Ah, sem esquecer que meu marido também andou comprando alguns queijos, linguiça temperada e deliciosos licores de diversos sabores, uma delícia!

FabricaChocolate001

Fábrica do Chocolate – Penedo (RJ)

Um ponto contra é a utilização de somente dinheiro em espécie em alguns passeios, que foi o caso do trenzinho e algumas lojas, como na Casa do Chocolate. Descobrimos isso lá. Não teria havido problema se houvessem caixas eletrônicos, lotéricas ou bancos no centro da cidade. Só existia um caixa eletrônico em um posto de gasolina ao lado do portal, praticamente fora da cidade. Quando pedimos informação, disseram que ficava a uns 500 m de onde estávamos (no centro). Enquanto fui fazer o passeio do trenzinho, meu marido descobriu que esses “500 m” na verdade se transformaram em cerca de 2.000 m, só para ir. Como o carro estava estacionado, ele foi a pé achando que era realmente próximo.

Falando em estacionamento, existem vários, a preços acessíveis e fáceis de encontrar vagas, pelo menos nesta época em que fomos.

penedo006

Portal de Penedo (RJ)

Mapa Turístico de Penedo

Provamos também um sorvete finlandês, muito bom por sinal, porém, era por peso só que nós vamos selecionando os sabores e os atendentes é que vão colocando no pote. Assim, não temos muito controle da quantidade e o susto vem na hora de pagar. Já ouvimos a mesma história de outras pessoas que lá estiveram. Da próxima vez, ou pedirei dois sabores em vez de três, ou solicitarei para que se coloque menos quantidade. Mas tudo bem, o sorvete valeu a pena!

penedo010

Penedo (RJ)

Para mais informações: http://www.penedo.org/

Um abraço!

This entry was posted in Pelo Brasil, Penedo (RJ) and tagged . Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *